Como curar a celulite: dicas úteis

A celulite é uma doença da pele que afeta a maioria das mulheres. Vamos descobrir como combatê-lo e neutralizar seu reaparecimento com hábitos e comportamentos corretos e altamente recomendados

A celulite, como sabemos, é frequentemente um pensamento recorrente para as mulheres. Afeta muitas mulheres, e isso independentemente do seu peso: certamente não pode ser acusado de não ser democrático! Mas o que exatamente é celulite? Vamos tentar descobrir e depois nos concentrar em uma série de comportamentos corretos que podem nos ajudar a reduzi-lo e a curá-lo.

A celulite é uma mancha da pele que se manifesta com o conhecido aspecto bucherellato conhecido como “casca de laranja”. O problema, no entanto, diz respeito ao tecido conjuntivo subjacente: é nesse nível que um acúmulo de gordura é criado com um aumento no volume de células adiposas. Essas acumulações estão concentradas em áreas específicas, como coxas, quadris e nádegas.

Uma das causas da formação da celulite está ligada à ação dos estrogênios, os hormônios sexuais femininos (e também é a razão pela qual os homens, afortunados!, Não sofrem com isso). Os estrogênios podem promover o acúmulo de líquidos e o aumento do volume de células adiposas sob a pele (o chamado “panniculus adiposus”), que determina alterações no nível da microcirculação cutânea. Assim, a retenção de água e o inchaço do tecido podem aparecer, mostrando a aparência típica da casca de laranja na superfície.

Beber muito é essencial para curar a celulite, cujo inimigo número um é a retenção de água. A água, de fato, tem o poder de revitalizar o corpo, estimulando a diurese (e, portanto, a limpeza de toxinas) e a circulação linfática.

Beber pelo menos 1,5 litro de água por dia deve se tornar um hábito saudável: assim, favorece a eliminação de resíduos, fator que favorece a formação da celulite.

Por outro lado, para reduzir drasticamente, são os refrigerantes carbonatados: eles contêm uma quantidade muito elevada de açúcares e produtos químicos prejudiciais à nossa saúde, mesmo nas versões “light” ou “zero”. O açúcar refinado, além de nos engordar, também favorece a retenção de água, levando ao acúmulo de líquidos no tecido adiposo, com consequente formação de celulite.

Siga uma dieta saudável e drenante. As causas da celulite geralmente incluem uma dieta pouco saudável, pobre em fibras e rica em carboidratos e lipídios. Cuidar de sua dieta pode ser uma ajuda válida contra a celulite: não é necessariamente uma questão de reduzir a quantidade de comida, mas simplesmente de se acostumar a preferir certos alimentos em vez de outros.

Vamos começar com alguns alimentos cujo consumo deve ser drasticamente reduzido. Primeiro de tudo, através de alimentos ricos em gorduras e açúcares, como frituras, sobremesas (especialmente embalados) ou carnes curadas. Sal deve ser evitado tanto quanto possível e substituído por ervas ou especiarias.

Reduza o uso de óleo e manteiga na cozinha, preferindo grelhar ou cozinhar. Sim, em vez disso, com azeite extra-virgem, mas comido cru.

Quais são os alimentos recomendados? Primeiro de tudo, os alimentos mais ricos em proteínas (melhor se eles vêm de ovos ou carnes brancas): eles ajudam a queimar gordura das células adiposas. Legumes também são bons, porque são ricos em ferro, um aliado da circulação e oxigenação do sangue. Sim para pescar que contém Omega3, capaz de extinguir a inflamação da pele.

Em seguida, consuma abundantemente alimentos que contenham potássio (um exemplo: frutas secas), um nutriente capaz de estimular a drenagem linfática. Vitamina C e vitamina P também são importantes para fortalecer os vasos sanguíneos e melhorar a circulação: luz verde para kiwi, frutas cítricas e frutas vermelhas.

O movimento é muito importante contra a celulite: promove a circulação e melhora a elasticidade da pele. Fazer o movimento deve ser um hábito saudável, começando com a vida cotidiana. Quando puder, caminhe em vez de dirigir, suba as escadas em vez de pegar o elevador: são pequenos truques, mas seu corpo não para de agradecer.

Entre os esportes mais adequados para combater a celulite, há antes de mais nada correr e andar rápido: praticados regularmente, trazem grandes benefícios ao coração e, conseqüentemente, à circulação sanguínea.

Altamente recomendado são os desportos aquáticos, em primeiro lugar a natação livre, fitness de água e hidrobike: a resistência oferecida ao corpo pela água é excelente para tonificar, fortalecendo os músculos eo sistema cardiovascular. Além disso, a água produz uma verdadeira massagem nos tecidos da pele, favorecendo a drenagem de líquidos e a eliminação de toxinas.

Um excelente esporte anti-celulite é também o kickboxing, que combina técnicas de artes marciais com o boxe, oferecendo treinamento útil para tonificar pernas, braços, nádegas e abdômen.

Não há esportes em particular a serem evitados se você sofre de celulite: o importante é realizar uma atividade física de baixa intensidade e prolongada ao longo do tempo. Esportes de alta intensidade não favorecem a drenagem de tecidos da mesma forma: se você quiser praticá-los, lembre-se sempre de tê-los seguidos de pelo menos 10 minutos de relaxamento e alguns alongamentos. A recuperação é necessária para reparar os danos da microcirculação causados ​​por atividades muito intensas.